Coisas Que Todo Escritor Precisa Fazer

Assuma que você é um escritor de histórias. Não tenha vergonha. Orgulhe-se do fato.

Um escritor escreve. Então pare de se preparar para escrever e comece a arranjar tempo para praticar. Todos os dias.

Estabeleça metas. Mas não esqueça que essas metas devem ser realistas, ou então você vai desanimar, definhar e desistir.

Leia. Leia muito. Mas leia como um criador. Analise a estrutura da história, o ritmo, a criação de personagens e a construção da cena. O que salta aos seus olhos?

É necessário compreender que há um mercado por trás das histórias. Compreender que o seu trabalho só será digno de nota se você criar com o coração é mais necessário ainda.

Começar uma história é um grande feito. Terminar uma história é divino.

Abra-se para as críticas construtivas. Elas irão ajudar você a enxergar o seu trabalho de formas inteiramente novas, além de manter o seu ego sob controle.

Mantenha o ego sob controle. Não permita que ele se transforme em arrogância cega.

Escrever histórias é uma técnica, mas também uma arte. E de vez em quando a arte vai carregá-lo por lugares não planejados. Embarque na jornada.

Aprenda com autores mais experientes. Eles passaram por dificuldades que você nem imagina.

Ajude os autores menos experientes. Lembre-se de como você sofreu e de como desejou ter alguém para guiá-lo.

Só escreva quando estiver inspirado. Esteja inspirado todo dia. É a sua responsabilidade como criativo.

Pesquisa e revisão fazem parte do processo. Não reclame. Aceite. Faça.

Não se apegue demais às suas histórias. Elas estão protegidas na sua gaveta, mas foram escritas para serem lidas.

Viva uma vida que nutra o escritor dentro de você. Brinque. Descubra. Questione. Imagine.

Saiba que escrever histórias é algo difícil, dolorido, solitário e muitas vezes ingrato. Mas vale cada gota de suor e cada lágrima.

Ame criar. Crie com amor.

Compartilhar agora!

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

O grande antagonista

Toda história tem um antagonista, alguém que se coloca contra os objetivos do herói e o atrapalha em seu caminho....

Ninguém vai salvar você

Quando a gente está criando uma história mais tradicional, uma das coisas mais importantes é pensar em um protagonista realmente...

A sua ideia não vale nada

Quando a turma que adora escrever ou contar histórias se encontra (seja pessoalmente ou na internet), não demora pra conversa...

Como escrever conteúdo legal para o meu blog?

Recebi essa pergunta sobre conteúdo faz uns dias lá no meu Instagram e achei muito pertinente. Só que a resposta...

Por que não escrevo mais sobre o ofício de escrever

Se você acompanha o meu trabalho, deve ter percebido que já faz um bom tempo que eu não escrevo um...

Sobre vaidade e gratidão no meio criativo

Eu adoro o trabalho criativo. Sério. Eu meio que sou imprestável para tudo o que não envolve usar a criatividade...

Homunk: seu estúdio virtual

Uma das coisas que eu mais gosto disso de ter um site é o contato com o público. Sério, é...

Ninguém quer ler as suas m#rd@s

Em uma tradução livre, esse aí é o título do primeiro livro que li em 2018... e que livro sensacional....